sexta-feira, 16 de dezembro de 2011

VOTAÇÃO DO VIRTUAL CUSTOM LOW RIDER ATÉ 18/12.

 BRENDO

BRENDO

MARCELO ZIGGIATTI

ZE BOOB 

 MARCO MANHÃES


 MARCO MANHÃES


MARCO MANHÃES


RAMASSES RODRIGUES


flagra exclusivo do NEW NEW CIVIC


CHINES CRIA SEU PRÓPRIO JEEP.


O chinês Qu Zhibo, chefe de cozinha e morador da cidade de Zigong City, província de Sichuan, passou três anos construindo seu próprio Jeep de 2 metros de comprimento, 1,5 metro de altura e motor de trator, usando sucatas e gastando o equivalente a 600 dólares. Zhibo disse que se inspirou no Hummer, veículo militar americano, do qual é fâ. Seus esforços fizeram dele uma celebridade da Internet chinesa.

BMW, UMA PAIXÃO.



Hoje, decidi partilhar convosco - principalmente com os verdadeiros amantes do mundo automóvel- uma curta metragem feita por uns jovens alemães (Format67) de enorme talento. E para lá do talento, têm também uma paixão tremenda por automóveis, pelo menos é a sensação com que fico depois de ver o vídeo mais abaixo.Nesta curta, será possível assistir ao que eu chamo a verdadeira "Paixão Automóvel", independentemente do actor - vamos chamar-lhe Dennis - gostar ou não de automóveis, a mensagem que esta curta transmite, é algo que muitos de vocês já sentiram, aquele sentimento inexplicável que nos faz esquecer por breves momentos todos os outros problemas que temos.

Por esta altura, já devem estar a pensar no vosso grande amor, não, não é a vossa namorada, mas sim a vossa máquina que está parada a porta de casa sempre pronta para partilhar convosco mais uma viagem emocionante até ao vosso local de trabalho. O percurso até pode ser chato e monótono, mas quando estamos ao volante de um automóvel que respeitamos e amamos o percurso torna-se num excitante circuito do Mónaco, onde cada curva é uma injeção de adrenalina pronta para levar o nosso coração para lá dos 100 batimentos por minuto.
E como humano que é, o Dennis também tem um grande amor, um BMW 130i, - se não me engano é um V6 de 290cv - e para além deste amor, tem também essa mesma necessidade de adrenalina e competição que mais ninguém compreende.

Porém, o Dennis tem um problema, a sua máquina não é capaz de levar a melhor sobre um Jaguar XF e isso é algo que o deixa "doente". Apesar de não ter potência suficiente para saciar a sua fome de vencer, o BMW, oferece a Dennis a possibilidade de se tornar um brinquedo muito mais poderoso, bastando apenas algumas modificações. Para isso, basta a Dennis dedicar algumas horas de amor ao seu 130i, para torná-lo na máquina mais perfeita possível.

O resultado? Fica na vossa imaginação:

PS: O RazãoAutomóvel condena e acha um acto irresponsável, qualquer infração da lei.

AUTOCON 2011, O MAIOR EVENTO DE CARRO DOS ESTADOS UNIDOS.





VW VARIANT DE SURFISTA.

variant


PLACAS DE CARRO E SEUS SIGNIFICADOS.

Placascores
Tenho certeza que você viu isso na sua aula no CFC (curso de formação de condutores) mas não vai se lembrar de quase nenhuma delas, talvez a preta (colecionador) e a verde (veículo em teste).
Se você esqueceu, é normal. Se você esta fazendo o CFC, é melhor decorar, provavelmente será uma das perguntas da sua prova teórica, então além de ler no seu livrinho da autoescola, confira aqui as cores das placas dos carros e seus significados:
  • Preto sobre fundo cinza: privados
  • Branco sobre fundo Preto: Coleção
  • Branco sobre fundo vermelho: transportes públicos e veículos de aluguel (ônibus,taxiscaminhões que prestam serviços a terceiros etc.)
  • Vermelho sobre fundo branco: auto-escolas
  • Preto sobre fundo branco: uso oficial (governo, polícia, bombeiros etc.)
  • Cinza sobre fundo preto: automóveis de colecionadores (com mais de trinta anos e em excelente estado de conservação e originalidade)
  • Branco sobre fundo verde: experiência, os carros que estão em reparo nas concessionárias ou oficinas e que precisam ser testados na rua levam a placa verde.
  • Branco sobre fundo azul com ADM (Administrativo), CC (Corpo Consular), CD (Corpo Diplomático), CMD (Chefe de Missão Diplomática, exclusiva do EMbaixador), OI (Organismo Internacional) no local do estado: uso diplomático-consular (no formato JGM 1234 ou LVM 1234).
  • Branco sobre fundo azul com sigla do estado e cidade: fabricante, carros das montadoras que ainda estão em fase de testes para ver seu desempenho rodam com a placa azul.
  • Dourado sobre fundo preto: utilizadas em carros oficiais de prefeitos, presidentes de câmaras, presidente da assembléia, presidente de tribunais…O fundo é preto e os caracteres alfanuméricos dourados. A placa contém o brasão da república.

DICAS PARA VENDER SEU CARRO USADO.


Procurando dicas para vender seu carro usado não é? Então com certeza você ja deve ter feito pelo menos uma pesquisa de mercado para saber quanto o velho de guerra esta valendo… O que? Não fez?
Pois então faça, veja quanto seu carro esta valendo na TABELA FIPE, esta é nossa primeira dica. Você não vai querer perder dinheiro, nem passar ninguém para trás (bom, talvez sim… Nunca se sabe)
Como vender um carro mais rápido
Agora que já sabe qual a média de valor para carros da mesma marca/modelo e ano do seu, tenha em mente que aquela velha tática da plaquinha com os dizeres: -”Vendo e/ou troco – Particular – Fone: (99) 9999-9999″ já não é mais a unica maneira de fazer negócio.
- Anuncie em Jornais: Procure por jornais específicos para venda de automóveis, algumas cidades contam com jornais voltados apenas para vendas de veículos. Anuncie aos domingos, é sempre o dia de maior procura (e de anúncios mais caros também).
- Não esqueça da Internet: A internet é sua amiga e não um bicho de sete cabeças. Há sites confiabilíssimos para vendas de automóveis, e arrisco dizer que estão deixando os jornais para trás devido a facilidade de busca e resultados encontrados, vale muito a pena.
- Anuncie mais onde você puder: O famoso “boca a boca” ainda funciona bem, e a chance de você vender bem seu carro é grande tratando do assunto “face a face” com um amigo.
- Tenha em mente que quem vai comprar seu carro, não va querê-lo sujo; então lave-o como se sua vida dependesse disto. Leve-o ao melhor lava jato da cidade, limpe todos os cantos inimagináveis, tire objetos pessoais.
- Assim como ninguém quer carro sujo, ninguém quer também um carro com problema, uma visita ao mecânico é bem vinda, e arrume tudo o que tiver para arrumar, seu cliente vai querer levar o carro para o mecânico dele dar uma olhada e você não vai querer que o cliente diga que seu carro tem defeitos…
- Por último, você pode deixar a venda por conta de uma concessionária, eles vão cuidar de tudo para você, mediante uma comissão, claro. E voc~e pode ainda, fazer da concessionária e/ou “estacionamento” o seu cliente, muitos deles compram o carro para revenda, mas ai seu lucro diminui muito…
E O MAIS IMPORTANTE – QUANDO O VEÍCULO ESTIVER NEGOCIADO:
• Reconhecer firma do recibo do carro (Documento que comprova a informação de venda do veículo),
• Tirar uma cópia autenticada (Pode precisar futuramente deste comprovante);
• Comunicar ao Detran a venda do carro, pois, se o comprador não transferir o carro para o nome dentro do prazo estipulado pelo Detran, pode levar multas e prejudicar sua pontuação na carteira de habilitação. Lembre-se que a responsabilidade civil e criminal é sua, se o veículo ainda está em seu nome.

FERRARI F430.


Ferrari 430



NEYMAR VIRA TAXISTA.


CUIDADOS ANTES DE CAIR NA ESTRADA.


Se os seus planos para as férias incluem algumas horas ao volante antes de chegar ao destino, aqui estão algumas coisas que você deve fazer antes de partir para garantir a chegada de modo rápido e seguro.
Seja uma viagem curta ou uma aventura através do país, você precisa estar pronto para a viagem e precisa ter seu carro pronto, também. Aqui estão algumas dicas:
Faça as manutenções que você vem adiando.
Se há algo mais importante que você estava adiando e você sabe que há algo funcionando no limite, é hora de cuidar deles. A última coisa que você precisa é uma falha crítica no meio da estrada, especialmente se fora algo que poderia ter sido facilmente reparado em uma checagem antes da viagem. Esperar por socorro sob o sol ardente não parece um jeito legal de curtir as férias.
Verifique a calibragem dos pneus.
Pneus sem pressão suficiente podem gastar muito combustível. Você deve ter um daqueles calibradores-caneta no carro. Se não tiver, é uma boa hora para comprar um. Eles funcionam bem, são baratos e você não fica refém dos calibradores desajustados dos postos de combustível. Qualquer compressor dá um jeito.
Faça a troca do óleo. É bem provável que você tenha que fazê-la de qualquer modo, então por que esperar? Você precisa do motor em sua melhor forma possível para uma viagem londa e um pouco de óleo fresco vai ajudá-lo a trabalhar melhor. Se você acabou de fazer uma troca, não vá trocar de novo, mas se a troca está na lista de coisas por fazer, não deixe essa para depois.
Photo by Robert Couse-Baker.
Baixe os mapas com antecedência. Se você usa um GPS automotivo ou vai a uma área que não tem sinal de internet celular, é uma boa pedida baixar os mapas que você precisa. Verifique as atualizações dos mapas do GPS no site do fabricante. Procure também listas atualizadas de pontos de interesse (especialmente os novos radares das rodovias paulistas). Se você tem um iPhone, iPad ou smartphone com sistema Android, o Google Maps permite que você guarde mapas offline para usar quando não houver conexão de dados.
Complete o tanque onde for barato (e confiável). Você já deve estar acostumado a isso, mas fica a dica. Não faz sentido mudar o trajeto para pagar menos pelo combustível, mas se você puder encher o tanque em um posto mais barato pelo caminho, faça isso. Se você tem dúvidas quanto à qualidade do combustível, lembre-se de procurar informações na internet, em sites como o daSecretaria da Fazenda de São Paulo, que divulga a lista de postos autuados por irregularidades no combustível, ou o GuiaPostos. E nem pense em deixar a cidade sem estar com o tanque cheio.
Carregue as baterias extra ou traga carregadores para carro. Você não vai gostar de ficar no meio do caminho sem bateria no GPS ou no celular. Arrume alguns carregadores ou baterias reserva.
Certifique-se que seu kit de emergência está completo. É bom ter um cabo de recarga de bateria (“chupeta”), uma lata de spray reparador de pneus furados, capas de chuva, uma toalha, papel higiênico, esparadrapo, gaze e ataduras, água, fusíveis reserva, fita isolante e uma lanterna.
Planeje seu trajeto. Tire alguns minutos para certificar que você não vai pegar uma rodovia em obras, trechos muito longos sem postos de combustível e restaurantes e esse tipo de inconveniente. Consulte a previsão do tempo, também. Não seja pego de surpresa.
Tem experiência em longas viagens? Então aproveite e compartilhe dicas e experiências conosco nos comentários.

TRIDENT FAZ FERRARI E PORSCHE PANAMERA DE TAXI.


quinta-feira, 15 de dezembro de 2011


LADA EVOLUTION CONCEPT.


KIA GT. CONCEITO.

DEBAIXO DESTE CAPOT TEM UM V12 DE 27 LITROS


NOVA MERCEDES SHOOTING BREAK 2014.





CARROS EXPLODINDO.

MOTOR V8 COM CARROCERIA DE MADEIRA.

Segredo: sketch e projeções revelam novo Kia Cerato

Próxima geração do sedã médio será revelada em 2012


Editora Globo

CARROS CONFISCADOS NO JAPÃO.


DRIFT.

MUSEU HENRY FORD, DETROIT.


CLÁSSICOS.


CORRIDA DE DEMOLIÇÃO.

COLEÇÃO SECRETA DE SUPER CARROS NO JAPÃO. + DE 130 FOTOS

NOVO LINEA? DODGE DART 2013 TEM DETALHES DO INTERIOR REVELADOS


NOVO IDEA NA EUROPA: VAZAM PRIMEIRAS IMAGENS DA MINIVAN FIAT “500 GIARDINERA”


HONDA CITY 2012: MODELO REESTILIZADO É LANÇADO NA ÍNDIA POR R$ 24.400


Novo Honda City

quarta-feira, 14 de dezembro de 2011

PRÉVIA NOVA VERSÃO VIRTUAL CUSTOM COBALT.


TEM GOSTO PRA TUDO NESSE MUNDO ESTRANHO.


A ORIGEM DA AMG.



Corria o ano de 1967 quando dois engenheiro da Mercedes de seu nome Hans Werner Aufrecht e Erhard Melcher resolveram criar junto à cidade de Estugarda (quartel general da marca alemã), mais precisamente em Burgstall, uma empresa especializada na preparação de motores e modelos Mercedes.

O nome? É por todos nós mais que conhecido: AMG. Acrónimo que resulta da combinação do nome dos seus fundadores Aufrecht, Melcher e de Grossaspach, a terra natal do Aufrecht.

Cientes de que o potencial desportivo dos modelos Mercedes era tanto quanto a procura de versões mais "apimentadas", lançaram-se à aventura e o resultado é aquele que todos nós conhecemos: 44 anos de conquistas, títulos e vendas. Uma autêntica fábrica de sonhos, onde a paixão e o exagero são sentimentos que não passam "chapa" à tradição fria e calculista das gentes germânicas. Toma lá Merkel!!!

Uma casa que dedicou os seus 4 primeiros anos de existência à preparação exclusiva de carros para estrada até que em 1971 surgiu a oportunidade perfeita para entrar na competição automóvel. Uma alteração nos regulamentos das 24h de Le Mans deixou a Mercedes-Benz fora de prova. Era a oportunidade ideal para a AMG competir com uma equipa própria!
Com pouco tempo para preparar com a devida pompa e circunstância um modelo para a competição a AMG pegou naquilo que tinha mais à mão, um chassi de um SEL 300 com mais de duas toneladas e um bloco 6.3 litros V8 que equipava a hiper luxuosa limousine Mercedes 600 Pullman. E pronto, era esta a base da "coisa": um carro de Estado!

Não sei o que lhes passou pela cabeça mas de alguma forma conseguiram imaginar que "daquilo" podia fazer-se um bólide de competição. Bastaria para tal usar a receita tradicional: novos comandos de válvulas e novas árvores de cames, bielas mais leves, aumento da taxa de compressão, novos colectores, borboleta de admissão de corpo duplo e um escape directo. Um radiador para o óleo do motor e uma cambota nova completavam o ramalhete. O resultado foi um aumento da cilindrada para 6.8 litros, 428 cv de potência e 60,7 kgfm de torque. Nada mau...


Faltava agora preparar o imenso chassi e as suas massivas duas toneladas de peso(!). Para reduzir o peso os painéis em aço que davam forma às portas foram substituídos por painéis em alumínio. Os bancos e forras do interior foram tirados e as rodas de liga leve do protótipo C111 foram emprestadas pela Mercedes à AMG (o peso suspenso é o tipo de peso que mais interferência tem no comportamento dinâmico). Com esta dieta o SEL 300 conseguiu ficar-se por uns mais simpáticos 1635 quilos. Mais de tonelada e meia que embalada atingia a simpática velocidade máxima de 260 km/h.

Reza a lenda que o carro só ficou pronto uma semana antes do inicio da competição, portanto testes nem vê-los! Chegado o dia da competição, o SEL 300 AMG ainda mal tinha saído do camião e já tinha deixado o paddock de Le Mans de boca aberta! Recordo-vos que os adversários da AMG naquele ano eram os "pequenos" Alfa-Romeos GTA e os comedidos Opel Steinmetz. Perdoe-me a comparação mas com as devidas adaptações o que a AMG fez foi ir a uma festa de gala com as botas da tropa! Sendo que as botas eram um poderoso e ruidoso V8 montado numa carroçaria com mais de cinco metros. Muito discretos portanto.

Não resisto a fazer outra comparação... com as devidas adaptações o que a AMG fez foi ir à casa dos pais para apresentar a namorada, e leva-la de mini-saia com os peitos à mostra num vestido encarnado vivo, e como se não bastasse ela comia de boca aberta! Apanharam a ideia? Foi assim que Le Mans e a imprensa ficou, não queriam acreditar no que viam... Atributos que alias, valeram ao SEL 300 AMG a alcunha de "O porco Vermelho". Nem vale a pena explicar porquê não é?

Mas a grande revelação aconteceu ainda durante a classificação. Ninguém estava a contar que uma banheira de quatro portas com tablier em madeira, tapetes no chão, direcção hidráulica e suspensão pneumática pudesse fazer o quinto melhor tempo entre 60 carros(!), partindo ao lado de Peter Hoffmann, Hans Stuck e... NIKI LAUDA! Parece que afinal o "Porco" tinha salero nas rodas...

No entanto, e como seria de esperar todo esta abordagem tinha um reverso da medalha. O SEL 300 AMG - ou "O Porco Vermelho" como preferirem - era demasiado veloz, demasiado potente e demasiado pesado para os travões que tinha, pelo que os pilotos durante as 24 horas da corrida tiveram de se empenhar para compensar nas longas rectas de Le Mans aquilo que perdiam na zona de curvas encadeadas para os adversários mais levezinhos.

O empenho e dedicação viriam a dar os seus frutos. Depois de 24 longas horas de corrida, com dezenas de acidentes e uma tempestade noturna à mistura, o SEL 300 AMG com o número 35 cruzou a linha da meta em segundo lugar da geral e em primeiro da categoria, completando 308 voltas sem problemas mecânicos mas com os travões feitos em farrapos. A AMG ganhou assim "à primeira" e pela primeira vez uma competição. Nada mau para uns estreantes e para um carro de Estado... foi a pedra de toque que deixou Le Mans e o mundo rendidos ao engenho da AMG, e que lhes abriu caminho para se tornarem naquilo que são hoje. 


Porém, como nas mais belas histórias de amor - em que o fim é sempre trágico... - também o pobre SEL300 AMG teve um fim trágico. Os genes germânicos que sobreviveram à Segunda Guerra e o desapego aos sentimentalismos falaram mais alto e a AMG vendeu o pobre "Porco Vermelho" à francesa Matra - companhia dedicada à industria aérea - como se de um carro comum se tratasse. Vergonhoso...

Destino que viria a revelar-se fatal para o grande campeão SEL 300 AMG... a companhia esventrou-o de modo a conseguirem montar um trem de aterragem de um avião no seu interior com o intuito de estudar o comportamento dos pneus das aeronaves a alta velocidade. Os seus restos mortais até hoje nunca mais foram encontrados. Mas a Mercedes compreendendo o valor histórico e simbólico do modelo resolveu em 2006 construir uma réplica do malfadado SEL 300 AMG de acordo com os planos originais da AMG. O resultado foi aquele que podem ver nas fotos que acompanham este artigo: pura pornografia automóvel!

Quanto ao modelo original, resta-nos o consolo de saber que pelo menos morreu ao serviço de uma causa maior... Ironicamente, a salvar vidas com a sua própria vida, e no desenvolvimento de tecnologias para a aviação. Um campeão até na despedida!

Auf Wiedersehen SEL 300 AMG! Que é como quem diz, adeus campeão!


Texto: Guilherme Ferreira da Costa

BMW SÉRIE 3 CHEGA AO BRASIL COM PREÇO BEM SALGADO.



Apresentado ao mundo na última edição do Salão de Frankfurt, em setembro, o BMW Série 3 já tem preços fechados para quando for lançado no Brasil. Ele chegará em maio com preços partindo dos R$ 198 mil na versão 328i Sport, já contando com a nova alíquota de IPI que será aplicada a partir do próximo dia 15.
A segunda versão será a 328i com nível de acabamento Luxury, cujos preços partem de R$ 223 mil. Já o 335i, disponível apenas na configuração Sport, custará R$ 341 mil. Para o segundo semestre está previsto o retorno da versão mais em conta, 320i, e o lançamento do M3. Ambos não tiveram seus preços divulgados.
Além dos equipamentos, o 328i e o 335i se diferem pelo motor. O primeiro conta com um  2.0 de quatro cilindros com injeção direta e turbo compressor de duplo fluxo (Twin-scroll) que gera 245 cv de potência e 35,7 kgfm de torque, prometendo com aceleração de 0 a 100 km/h em 5,9 segundos. Já o 335i mantém seu 3.0 turbo de seis cilindros em linha, capaz de desenvolver 306 cv e 40,8 kgfm.
Fonte | Autoesporte

SEM PALAVRAS.

terça-feira, 13 de dezembro de 2011

CONCURSO DE VIRTUAL CUSTOM LOW RIDER.

GALERA, ESSE VIRTUAL CUSTOM SERÁ UM POUCO DIFERENTE. ESTAMOS DISPONIBILIZANDO UMA SUSPENÇÃO DE LOW RIDER E, COM ELA NÓS IREMOS ENCONTRAR UMA CARROCERIA QUE SE ENCAIXE NELA. OK?
ESSA É A PARTE FÁCIL DA COISA, A OUTRA PARTE É: NÃO VALE ENCONTRAR UMA FOTO DE CARRO QUE JÁ SEJA UM LOW RIDER. PODE SER QUALQUER OUTRO CARRO, DESDE QUE ELE JÁ NÃO SEJA UM LOW RIDER. POR ISSO QUANDO FOR MANDAR O ENDEREÇO DA POSTAGEM PRA GENTE A FOTO DO CARRO ORIGINAL TEM QUE ESTAR JUNTO DA MONTAGEM.
MANDEM SUAS MONTAGENS ATÉ O DIA 13/12/2011.
BOA INSPIRAÇÃO A TODOS.

Ps.QUALQUER DÚVIDA MANDE UM COMENTÁRIO QUE RESPONDEREMOS.




NÃO FAÇAM COMO O MARCELO



ATALHO PARA VER OS PARTICIPANTES